facebook icontwitter icon youtube icon


globo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

Currently living in Europe, the brazilian dreampop duo started back in 2009, with their first independent album Leveleve.

Now, four years later, Susana Bragatto (voice/samplers) and Zé Ruivo (keyboards/programming) release their passion for synthesizers, 80's pop, surreal imagery and many voice effects with their second album, An age of love.

On January 2013, An age of love was elected the 7th best brazilian album release of 2012 by embrulhador.com, on a top 100 chart that included new and well-known artists such as Céu, Caetano, Bossacucanova and others (http://www.embrulhador.com/2013/01/Os100melhores2012.html). Plus, it was cited as one of the five best national albums of 2012 by the chief editor of Showlivre, the biggest music site of Brasil (http://msn.showlivre.com.br/home/itemblog/3981/33444?link=54.html).

Cowboys in love, blue maggots crawling at a girl's door, lazy cats waiting for the milkman and so forth are some of the main characters on this fantasy world.

The record is a co-production with the São Paulo producer Apollo9, who has worked with artists such as Rita Lee, Otto, Cibelle and N.A.S.A. It was born on the S.A. Plant Studio, in São Paulo, run by Apollo9 and the american producer Roy Cicala (Record Plant Studios, NY).

João Parahyba (percussion - Trio Mocotó, Jorge Ben, Suba), Eric Budney (bass and acoustic bass - Jair Oliveira, Luciana Mello) and James Müller (drums and percussion - Funk como Le Gusta) are some of the musicians who contributed on this project.

The legendary brazilian singer Odair José is the special guest on the mambo-chanson "Tristinha”.

TRIVIA
us: dreampop, synthpop, lounge
hellokeyttywords: retrofuture, fantasy pop, sweetness, chill out, contemplation, dream, smooth psychedelia, synthesizers.
some (absolutely free) inspirations: Goldfrapp, David Lynch, PJ Harvey, Metronomy, Hyldon, Peaches, Devo, Bat for Lashes, Gorillaz, Nino Rota, Björk, João Donato, Little Dragon, Erasmo Carlos, New Order, The Kills, Cowboy Junkies, B-52’s, Beck, Ingmar Bergman, Chet Baker, Angelo Badalamenti, books for children, lullabies, su's-mom-humming-a-japanese-song...

DISCOGRAPHY
an age of love (2012)  |   leveleve (2009)

LINKS
ailaika.com | piu@ailaika.com
facebook.com/ailaika | sonicbids.com/ailaika | youtube.com/ailaikamusic

-----

AILAIKA AN AGE OF LOVE

Atualmente residindo na Europa, o duo ailaika nasceu em 2008, em um ensolarado apartamento no bairro paulistano da Lapa.  Susana Bragatto (voz/samplers) e Zé Ruivo (teclados/programações) lançaram então o primeiro disco independente, leveleve (2009 – Tratore), com referências de  lounge, texturas eletrônicas e letras em inglês e português.
O segundo álbum, an age of love (2012), nasceu do amor da dupla por sonoridades retrofuturistas e dreampop. Sintetizadores antigos, synthpop dos anos 80 e muitos efeitos de voz se juntam a letras de um imaginário lúdico e surrealista, onde sons e personagens remetem a roadtrips, contemplação, viagens lunares, infância.
Em janeiro de 2013, an age of love ficou em 7o lugar entre os 100 melhores discos brasileiros do ano pelo site embrulhador.com. A lista  inclui nomes inéditos e artistas conhecidos do grande público, como Céu, Caetano, Tom Zé e outros (http://www.embrulhador.com/2013/01/Os100melhores2012.html). Também foi eleito um dos 5 discos nacionais do ano pelo editor-chefe do Showlivre.com, o maior portal de música do país.
O álbum é resultado da colaboração com o produtor brasileiro Apollo9, que já trabalhou com artistas como Rita Lee, Otto, Cibelle, Planet Hemp e N.A.S.A. As gravações foram feitas em São Paulo, no estúdio S.A. Plant, de Apollo9 e do produtor norte-americano Roy Cicala.
João Parahyba (Trio Mocotó, Suba) e James Müller (Funk como le gusta) são alguns dos músicos que contribuíram nesse projeto.
O cantor romântico Odair José faz uma participação especial em uma das músicas, "Tristinha", um mambo-canção sobre amores rasgados.
Também um casal na “vida real”!, Su e Zé vivem atualmente na Espanha. Nos shows, a dupla se apresenta sob diferentes formações, e frequentemente com projeções de imagens relacionadas ao universo onírico de suas músicas, criadas pelo também autor da arte do disco, Mauricio Pierro (www.pierro.com.br).


TRIVIA
estilo: dreampop, synthpop, lounge
highlights: 7o lugar na lista dos 100 melhores discos brasileiros de 2012 (embrulhador.com); participação no programa Som Brasil (Rede Globo), em outubro de 2012; compilações “As is above, so is below, vol. 1”, de Don Ray (selo All Massive) e “Tratore: 30 vozes femininas”; trilha sonora do longa-metragem “Citando Borges” (2013), de Jun Sakuma; álbum entre os 5 destaques do ano pelo Showlivre.
chaves: doçura, chill out, contemplação, sonho, retrofuturismo, suaves psicodelias.
algumas inspirações (muito) livres: Goldfrapp, Metronomy, Hyldon, João Donato, David Lynch, PJ Harvey, Peaches, Devo, Bat for Lashes, Gorillaz, Mutantes, Nino Rota, Björk, Little Dragon, Erasmo Carlos, New Order, The Kills, Cowboy Junkies, B-52’s, Beck, Ingmar Bergman, Chet Baker, Angelo Badalamenti, livros infantis, canções de ninar japonesas.

LINKS
ailaika.com | facebook.com/ailaika | sonicbids.com/ailaika
piu@ailaika.com

ailaika

embrulhador: os 100 melhores álbuns de 2012

fonte: http://www.embrulhador.com/2013/01/Os100melhores2012.html